design-redesign-quando-é-a-hora

Quando é a hora de redesenhar a sua marca?

Uma marca forte cria e entrega valor para as pessoas. E quando esse valor é percebido, pessoas podem se tornar clientes fiéis que trarão resultado e lucratividade a partir de recompras e indicações. Agora, o que fazer quando esse valor não é percebido? Muitas empresas escolhem repensar a sua estratégia de marca. Com a evolução desse processo, pode se fazer necessário um redesenho ou atualização da identidade visual da marca.

 

Neste artigo, falaremos mais a respeito da identidade visual – logo, ícones, cores, tipografia – e a sua importância para a construção de uma marca consistente.

 

A identidade visual é a cara da marca, uma representação simbólica. Portanto, não podemos entende-la como “a marca”. Uma marca é muito mais que uma identidade visual. Ela vai além do negócio, do produto ou do serviço de uma companhia.

 

Mas, isso é assunto para outro artigo. Voltemos à identidade visual.

 

A identidade visual desempenha um papel importante na maneira como as pessoas percebem e reconhecem uma empresa. É um dos pontos de contato mais importantes com seu público-alvo. É o que as pessoas notarão quando descobrirem a sua marca pela primeira vez. E é algo que elas continuarão vendo e notando todas as vezes que a encontrarem no futuro.

 

Dado que o logo é um elemento chave da identidade visual da sua marca, você deve se orgulhar dele e se sentir confortável a empregá-lo em sua estratégia de negócio, de branding e de marketing.

 

Portanto, é imprescindível que a identidade visual conte a história certa. O logo deve transmitir a personalidade da marca e ser prontamente reconhecível com exclusividade e distinção, principalmente, em seu mercado de atuação.

 

A seguir, compartilho uma lista de possíveis razões que podem motivar um redesenho ou atualização da sua identidade visual.

 

1. Não transmite os valores da marca

O logo e os elementos como ícones, cores e tipografia, aplicados aos materiais da empresa, devem refletir os valores da marca. No entanto, muitas empresas não têm isso claro, o que torna a sua identidade visual fraca fazendo com que as pessoas não criem associações e encontram dificuldade de se conectar a elas. A escolha coerente de fontes, simbologias e padrões cromáticos pode auxiliar na transmissão da mensagem correta da marca aos clientes.

 

2. A empresa amadureceu

Muitas empresas começam pequenas e passam alguns anos lutando para sobreviver. Durante esta fase de desenvolvimento, investir em design para criar uma identidade visual de qualidade para a marca pode não estar no topo da lista dos investimentos. Contudo, à medida que a empresa cresce e se torna mais conhecida, sua identidade visual pode não fazer mais tanto sentido. Dessa maneira, essas companhias devem considerar um redesenho ou uma atualização de logo se essa demanda não foi priorizada nos estágios iniciais do negócio.

 

3. Está obsoleto

Não importa o quão icônico seja a identidade visual da sua marca, sua estética sempre será impactada pelos padrões e tendências de design da época em que foi criada. Isso significa que ela ficará desatualizada em algum momento. Identificar um logo obsoleto é uma tarefa fácil até mesmo para quem entende muito pouco de design.

 

4. Não atende suas necessidades

O excesso de recursos gráficos e a escolha de elementos que não agregam à marca podem dificultar a utilização de uma identidade visual. Em uma era digital, um bom logo preza pela simplicidade e deve ser o mais universal possível para aplicações web, dispositivos móveis, apps, anúncios digitais e demais aplicações físicas.

 

5. O negócio evoluiu

Uma nova estratégia, novos produtos e novos serviços podem ser agregados ao negócio. Fusões e aquisições também podem ocorrer. As mudanças em uma empresa geralmente são coisas a serem comemoradas (ou pelo menos deveriam) pois são provocadas pelo crescimento e desenvolvimento. Contudo, essas mudanças também podem tornar a identidade visual menos relevante ou até mesmo incoerente. Redesenhar o logo pode sinalizar a nova direção.

 

Sabemos que as empresas evoluem, os mercados mudam e as preferências dos clientes também. A marca deve ser relevante para as pessoas; portanto, as empresas precisam estar prontas para atualizá-las quando necessário.

 

É possível que as empresas optem por uma nova estratégia de marca com objetivos de alcançar um novo ideal, um novo tipo de público ou um novo mercado, por exemplo. Nesse caso, é necessário o seu completo redesenho. Outra possibilidade, é alterar alguns detalhes da identidade visual para tornar uma marca mais significativa, distinta e original para seus clientes.

 

O principal é ter em mente a importância da identidade visual para a marca e a estratégia do seu negócio. Além disso, você deve garantir que ela represente adequadamente a imagem que você deseja transmitir e, principalmente, que o seu público-alvo deseja e espera. Afinal, a marca auxilia a sustentar a empresa através da lealdade de seus clientes.

 

 

 

design-blog-valkiria-moises-hansen