fbpx

Estratégias para obter melhores feedbacks

Você tem dificuldades para lidar com os feedbacks do cliente? Separamos algumas dicas para você arrasar na comunicação e obter retornos eficazes. Se liga!

 

 

Alinhe expectativas

 

Antes de iniciar qualquer trabalho, faça uma conversa inicial para alinhar expectativas. Antes de colocar a mão na massa, busque entender os principais objetivos e deixe claro o que você pode e vai entregar para ele(a). Essa conversa pode evitar muitos ruídos de comunicação.

 

Além de poder tirar dúvidas que o (a) cliente possa ter, você também abre espaço para feedbacks construtivos.

 

 

Seja compreensivo

 

Escute com paciência todas as solicitações de seu cliente. Essa pode ser a primeira experiência dele com um(a) designer e é seu dever guiá-lo ao longo do processo.

 

Explique as etapas e entregas, quanto tempo você leva para revisar, exportar arquivos, executar mudanças, e no quanto isso impacta no fluxo e qualidade do seu trabalho. Quanto mais você se comunicar, melhor para ambos os lados.

 

 

Defina como quer receber feedbacks

 

Como você gostaria de receber os seus feedbacks? Por telefone, e-mail, comentários dentro do arquivo? Pense de que maneira você se sente mais confortável em receber retornos e que formato é mais eficiente para o seu processo de design.

 

Você pode dizer algo como: “Por favor, coloque todos os seus comentários dentro do arquivo de pdf para mantermos a comunicação em um único lugar, dentro do contexto”.

 

 

Investigue o porquê

 

Toda vez que o cliente trouxer algum feedback negativo ou pedido de modificações constantes, procure entender as razões por trás do pedido. Pergunte “por quê?”, não de uma maneira agressiva, mas com um olhar questionador.

 

Investigue o que está por trás de um pedido como, por exemplo, “quero aumentar o logo”. Se você descobrir a principal razão, poderá sugerir outras formas de solucionar.

 

 

Foque no objetivo principal

 

Mantenha o foco das decisões nos principais objetivos do projeto. Para isso, mantenha as críticas e feedbacks alinhados de acordo com as necessidades do público ou objetivo principal em jogo.

 

Dessa forma, você se certifica que todos os envolvidos foquem mais na estratégia do projeto do que no seu gosto pessoal. Um briefing bem elaborado auxilia nesses momentos.

 

 

Eu gosto / Eu gostaria que…

 

Utilize essa ferramenta para incentivar o feedback construtivo, sempre trazendo um ponto positivo junto de um ponto para melhoria.

 

Eu gosto: traga pontos que você gosta, ou que achou positivo sobre uma ideia.

 

Eu gostaria que: elabore sobre o que você sentiu falta, ou gostaria que fosse melhorado.

 

 

Converse sobre prazos

 

Um dos principais problemas dos feedbacks é que eles podem aparecer inesperadamente. E sempre com urgência de retorno.

 

Para manter sua agenda organizada, combine com o cliente quanto tempo ele tem para te dar retorno e em quanto tempo você fará os ajustes necessários. Dessa forma, você evita ansiedade e pedidos fora do script.

 

 

✴︎ Não leve para o lado pessoal

 

Procure não ficar na defensiva quando ouvir uma crítica ou feedback negativo sobre uma criação sua. Não leve para o lado pessoal. Lembre-se (sempre): a crítica não diz respeito a você, e sim sobre a melhor solução para o projeto em questão.

 

Tente aprender o máximo que puder e encare o feedback como uma oportunidade de crescimento.

 

 

E aí? Curtiu essas dicas para lidar com os feedbacks do cliente? Antes de mais nada, espero que esse conteúdo possa te ajudar! Você também pode gostar do nosso post com 7 Estratégias para diminuir alterações em projetos . Leia aqui.

 

Quer saber mais?

Assine o Design Drops Valkiria, nossa curadoria de conteúdos exclusivos por email para quem deseja viver de design. Clique aqui para se cadastrar!

 

 

design-blog-valkiria-bruna-dipp